Artigos

As melhores dicas para os excessos nas festas natalícias

O Natal está aí… os excessos alimentares serão muitos… tantas são as iguarias e tão saborosas… ninguém resiste… e não deve… É Natal e devemos manter as tradições alimentares… no entanto, devemos ter a noção que depois precisamos de combater as consequências negativas destes excessos na nossa saúde. A Drª Olga Cuevas, deixa-nos uma série de dicas excelentes para compensarmos… um pequeno resumo…

Em primeiro lugar, devemos comer com gosto, calma e conscientemente do que fazemos. Nos dias seguintes, tentar não fazer mais que uma grande refeição por dia, bebendo chás e uma sopa leve. Mais ou menos uma semana…

Acompanhar, sempre, os pratos de proteína e gordura com uma salada agradável, onde o sabor amargo seja o rei… escarola, endívias, chicória, rabanete, alho picado, uma romã, azeite virgem e vinagre de maçã não pasteurizado. Todos estes alimentos contêm componentes que nos ajudam a digerir.

Comer abacaxi fresco e mamão. O coração do abacaxi contém enzimas (proteases) que nos ajudam a digerir a proteína. Também pode optar pela papaia (contém papaína), com o mesmo efeito. Não em sumo de fruta, mas fruta natural.

Acompanhe alimentos gordurosos com molhos digestivos feitos de gengibre ralado, rabanete ou nabo temperado com azeite picante (podemos optar por um azeite aromatizado com malagueta) e vinagre de maçã não pasteurizado (tem enzimas que ajudam a digerir) e molho de soja.

Comer cebolas maceradas (algumas horas) em vinagre de maçã não pasteurizado ajuda a digestão de proteínas e gordura de carne e peixe.

Comer uma colher de chucrute (repolho fermentado) ou rebentos (alfafa, feno-grego, etc.) que acompanha refeições pesadas. Ambos contêm enzimas que nos ajudam a digerir.

Beber uma infusão feita a partir da casca de meio limão e duas tangerinas (1 litro de água de Monchique a ferver). Ajuda a excreção renal dos excessos de sal e ácido úrico. Excelente se comer frutos do mar. Podemos adoçar com estévia.

Use açúcar refinado saudável e alternativas de frutas, açúcar, açúcar mascavo, mel ou estévia secas.

Tomar extracto de equinácea e vitamina C para prevenir infecções uma semana antes e uma após as festas. A sobrecarga de açúcares das massas, batatas, pão, refrigerantes e sobremesas aumenta os níveis de glicose no sangue e enfraquecer o sistema imunológico.

Tome um complexo de vitamina B e minerais (especialmente de magnésio) para ajudar a assimilação de açúcares e impedir que o sistema nervoso sofra.

Utilizar receitas de sobremesas saudáveis para saciar o nosso apetite por doces, mas sem adição de açúcar refinado:

– Chocolate 100% cacau acompanhado de frutas secas (passas, amêndoas, nozes,goji)

– Rawnie de chocolate, banana e natas sem adição de açúcar, lactose, glúten.

– Delicias de Abóbora e castanhas: feitas de puré de abóbora e castanhas cozidas, misturado com passas e pinhões ou panadas com gergelim.

– Sementes Nougat, nozes e grãos.

– Agar de fruta.

– Beber infusão digestiva doce: a base de anis, verbena, camomila doce, hortelã e erva-doce.

Alguns remédios naturais para combater as consequências das férias:

– Remédios destinados a compensar os efeitos do álcool. Um pedaço de ameixa umeboshi (ervanárias) bem demolhada, comprimidos de cardo mariano (2 cada refeição). Vitamina C (1 g por dia) e de vitamina B12 para processar o álcool.

– Uma alternativa ao álcool. Com uma base de sumo de maçã com especiarias (canela, anis estrelado, cravo, cardamomo, canela, gengibre e casca de tangerina) produz um efeito de aquecimento e digestivo.

– Remédios para indigestão. Kudzu-umeboshi: diluir uma colher de sopa de kudzu (a raiz vulcânica encontrada em lojas de alimentos saudáveis) num copo de água fria, coloque numa panela até que a mistura se torna transparente, adicione meia colher de chá de umeboshi. A infusão de uma casca de tangerina (ligeiramente amargo, mas é o que queremos) com gengibre (1 colher de sopa). Extrato de ervas para o fígado com alcachofra, dente de leão.

– Remédios para azia. Uma colher de sobremesa de argila branca diluída num copo de água.

Tomar o sumo de uma batata crua, descascada e liquefeito (cerca de 100 ml). Mascar um pau de alcaçuz natural.

Claro que todas estas dicas poderão ser insuficientes… por isso aconselhamos procurar um Terapeuta de MTC que o possa aconselhar para que possa fazer um plano alimentar de desintoxicação do fígado (caso os excessos tenham sido muitos).

Mas não deixe de viver esta quadra natalícia de uma forma natural e cheia de harmonia na companhia de quem mais ama.

Seja feliz…

Nuno Pacheco

Se gostou deste artigo partilhe com os seus amigos

Veja também