Geral

Lua Cheia no grau 17 do eixo Capricórnio / Caranguejo

LUA CHEIA NO GRAU 17 DO EIXO CAPRICÓRNIO / CARANGUEJO…

A imagem pode conter: textoAo deixar-me envolver neste ciclo lunar e seu eterno movimento, pulsar de Vida / Consciência, senti dois pulsares, poderão estar a ser coordenados em simultâneo, sem criar fricção necessáriamente… onde a força da vontade já está alinhada com o desprendimento das limitações que estavam instauradas na estrutura de defesa e segue o fluxo dos acontecimentos sem querer controlar nada do que está a ser cocriado, claro que para isso toda a resistência ao tentar evitar o campo de fragilização seja algo natural de existir em certos momentos, mas nada mais do que isso…
Deverão sentir cada vez mais a simplicidade da aceitação da dualidade, como uma realidade que nos impulsionada a querer descobrir novas formas de conviver, coabitar com essa experiência interna sem senti-la como um caos finito, ou mesmo um caos…
Na realidade enquanto o homem quiser acabar com a dualidade irá repetir o holograma do caos…
Este movimento representa a não integração das polaridades, a projecção das máscaras necessárias para o Eu idealizado…
A participação activa consciente é o movimento da integração dual das polaridades a equlibrar, a integrar numa nova vibração…
A vibração da matriz do caos é a réplica da disfunção energética sendo impulsionada pelos homens com a tentativa repetida de querer exterminar a dualidade…
É seguro ter momentos de fragilidade, de insegurança, é seguro puder experiênciar o seu ser sem limitações, viver naturalmente o que é a cada momento, sem formatos de ter, mas sim ser…
A baixo desta vibração genuina já só nasce caos, desiquilibrio, mas também isso é natural, seguindo a lei da matriz divina, a lei da cocriação…
Tu Crias o que acreditas, pois as forças magnéticas da tua essência não estão programadas para nada mais, vibram e dão vida material a tudo o que o homem move nos seus nucleos internos , emocional, mental e espiritual…
Hoje sinto que vos devo conduzir a um mergulho interno mais profundo , consciente e onde está a real responsabilidade actualmente…
Vejo as pessoas virem ter comigo aflitas de como fechar as experiências, acontecimentos nas suas vidas, nos seus corpos fisicos, mas algo muito mais profundo vêm clarificar, pois esses mesmos eventos, conflitos externos e internos são apenas o efeito final, o resultado do que estiveram a criar dentro de si, o desiquilibrio que estiveram a provocar ao tentar ficar fixos a mecanismos de auto defesa e que se tornaram degenerativos para as células, a cada movimento de evitar a célula entra em stress, repetição em repetição desse movimento interno, vai-se criando um trauma na célula… Oa corpos subtis são injectados por frequências densas dos corpos emocional e psiquico…
Esta sim é a realidade dos mecanismos auto destrutivos do ego inconsciente e onde observo o ego espiritual a repetir o mesmo movimento, mas sob a energia da obrigação de ter que ser algo representativo das suas teorias de espiritualidade…


O que vai acontecer é a ruptura dessas estruturas limitativas, poderão observar ao vosso redor, como está a decorrer a vossa interacção com os eventos?…
Solta… Livre… sem formatos condicionadores da disponibilidade para novos experimentos…
Medrosa, mas com vontade de sair dos registos que limitam a mudança …
Paralisados, fixos em formas escapistas, quer sejam espirituais ou materiais…
Sintam como podem entrar dentro de vós e sentir todo o diálogo interno …
Sintam como se tornou tão genuino esse contacto interno…
Se apenas agora iniciaram esta viagem à condição natural, sentir e responder naturalmente ao evento interno, sem manipular a experiência genuina que está a viver, poderão sentir forças internas fortes, em planos muito oscilativos na estrutura emocional, mas é só falta de treino, pois ser genuino parece que obedece a um movimento natural de desprogramação de crenças, de resistências a se descobrir como diferente do útero familiar, socialmente aceite e imposto pelas estruturas externas…
Um Ser Autêntico criou um empoderamento natural com a sua energia, não vacila perante a natural oscilação das emoções, mas a mente está empenhada em criar movimentos de compreensão criativos e não destrutivos para a acção que responde ao seu Ser, ao seu Sentir…
Ao se alinhar com as suas polaridades, emoção e acção respondem a uma linha condutora de nova vida, reequilibram as células de memória e respondem de uma forma nova…
Essência do Ser, a expressão livre no corpo emocional e a chama Terrena a devolver a materialização dos veiculos que nos conectam com tudo e todos que se cruzam e nos abrem as portas das novas vivências…
Somos a Fonte cocriadora de toda a realidade e toda a vivência devolve a capacidade de dirigir a energia de forma a sentir o pulsar da vontade que está a magnetizar para realizar o eterno renascimento …
Nascer, viver e morrer são arquétipos naturais para todas as realidades , materiais, emocionais, mentais , espirituais…
Esta energia sempre devolve o renascimento do Ser…
Mais Genuíno…

Abraço-vos no coração Fogo e Água em fusão na Terra…
Ruth Fairfield

Fonte da imagem: http://amicahilton.com/sodermalm-house/

Se gostou deste artigo partilhe com os seus amigos

Veja também