Saúde e Bem-estar, Sítios para ir

O Gerês que nos renova e encanta!

Gerês

O Parque Nacional da Peneda-Gerês é enorme, abrange cerca de 72 mil hectares, por isso há muito para ver e ainda mais para descobrir. A vila do Gerês, em específico, está cada vez mais popular. Várias são as famílias que rumam à Marina do Rio Caldo para passar um dia entre a Natureza. Por essa razão, desta vez, optámos pelas lagoas de Lobios que ficam já depois da fronteira.

Gerês
Gerês

O Gerês é um daqueles santuários da vida natural de maior referência e seria uma grande falha nossa ocultar esta beleza do nosso blog!
Gerês
GerêsExistem vários locais que são de visita obrigatória. Hoje trazemos as lagoas que ficam em Lobios, território já espanhol, mas poderíamos também recomendar a bonita aldeia de Castro Laboreiro, muito conhecida pelas ruínas do seu castelo, a Cascata do Arado, uma das mais conhecidas quedas de água do Parque, a bela Mata de Albergaria, entre as Caldas do Gerês e a Portela do Homem que nos mostra uma importante reserva botânica, a aldeia quase intocável de Pitões das Júnias, no concelho de Montalegre, a aldeia submersa deVilarinho das Furnas, o Miradouro da Pedra Bela que fica a cerca de 6km da vila do Gerês e proporciona uma vista fabulosa sobre o Parque Nacional da Peneda-Gerês, entre tantos outros pontos que poderíamos aqui sugerir, mas que também ainda não conhecemos (estamos a trabalhar nisso!)…
Lobios
Lobios
Lobios
Lobios
Lobios

Como chegar?
É fácil encontrar este pequeno paraíso! Depois das Caldas do Gerês, têm de seguir a estrada que vos leva à fronteira da Portela do Homem. Passam a fronteira e estão na Serra do Xurés, zona já pertencente à Galiza. Cerca de 6km à frente aparece-vos a placa deTorneros, que é a primeira povoação galega. Quando chegarem à ponte, contornem à direita e mais uns 100m chegam à piscina de água quente, bastante conhecida. É uma nascente de água quente natural misturada com água do rio muito utilizada por quem lá passa. A partir daqui é descobrir caminhos novos e lagoas paradisíacas como estas… 🙂
Gerês
Gerês
Gerês
Gerês
Gerês
Gerês

Gerês
Gerês
Gerês
GerêsÉ certo que este recanto de Portugal já foi mais sossegado, menos popular, mais limpo, mas se todos respeitarmos a Natureza conseguimos manter a pureza e a imponência destes sítios!

Fica a dica: visitem, explorem, mas sejam responsáveis e conscientes!
Gerês
Gerês
Gerês
Gerês

Gerês
GerêsPodem também ver o vídeo,

DoubleTrouble

Se gostou deste artigo partilhe com os seus amigos